No dia 14 de Junho de 2017, teve lugar a 3ª Edição do Seedstar Maputo na Incubadora do Standard Bank. O Seedstar é uma competição mundial de Startups, em que são premiados negócios inovadores, seja em fase de ideia, desenvolvimento ou presença recente no mercado. A competição local em Maputo, tinha por objectivo seleccionar a representante de Moçambique na competição final na Suiça.

A SIDE foi uma das 12 finalistas da competição local, ao lado de jovens empreendedores excepcionais representando as startups Tabech, Karingana Wa Karinga, Tech for Kids, Onlevo, Bilhetes Online, Lava-me, e mais.

Mas do que uma oportunidade de fazer Pitch para investidores ou potenciais parceiros, a participação no SeedStar Maputo teve momentos marcantes para a trajectória da SIDE.

Confira a lista dos melhores momentos

  1. SIDE foi a única Startup apurada fora da província do Maputo. Por isso, o facto de estar entre as melhores startups que actuam na capital moçambicana, indica a qualidade e inovação do serviço. A chamada telefónica do Ryad (UX) para anúncio do selecção foi o início de realização de um sonho.
  2. No dia 12 de Junho de 2017, todas as startups participaram no Bootcamp, uma sessão de mentoria com empreendoderes e profissionais renomados. A preparação do Pitch, feedback dos mentores e troca de experiências com outros participantes, foram actividades impactantes, pois foi possível ver as fraquezas do projecto e permitiu buscar alternativas para melhorar para o evento final.
  3. Um dos pontos apresentados pelos mentores foi a falta de pesquisa de campo. Nos dias 12 e 13 foi possível entrevistar entidades da educação, professores e pais. Houve muito material para aperfeiçoar a apresentação final. O contacto com os pais residentes em Maputo, possibilitou registro de factos para tornar o SIDE num serviço nacional e não apenas do mercado de Lichinga como previsto inicialmente.
  4. No dia do evento, as startups eram o show do momento. Entrevistas, Fotos, Interação com o público, foram importantes para a visibilidade do negócio e experiência de fazer o Pitch para um juri de peso. A ansiedade e o nervosismo ficaram de lado, para puder apresentar apenas um serviço promissor, mas o fruto de quase um ano de actividades de educação infantil. Será que descobrimos a cura para o analfabetismo?
  5. Após a apresentação para o júri, ficou claro que o SIDE ainda tinha fraquezas no modelo de negócios. A qualificação final na 7ª posição não foi recebida com desânimo, pois o feedback dado pelo júri e pelo público, demonstrou o quanto importante é a fase de teste de serviço.

O Seedstar foi um marco importante na história da SIDE, as dúvidas sobre o futuro do sonho de melhorar a qualidade de educação em África ficaram para trás e nos dias actuais a SIDE concentra-se nas necessidades do cliente e busca soluções tecnológicas ajustadas a realidade do público alvo.

Um especial agradecimento a UX , por trazer essa incrível experiência para jovens empreendedores moçambicanos.